Formulário de Consulta

CÓDIGO SENHA

Confira varias brincadeiras antigas para resgatar imediatamente

24/05/2018

As crianças dessa atual geração ficam muito tempo em videogames e jogos eletrônicos. Mas será que elas fazem isso porque gostam ou se tivessem outras atividades não se interessariam? A verdade é que brincadeiras antigas podem interessar muito às crianças, basta que haja um incentivo para isso. Vale a pena resgatar brincadeiras em sua casa, experimentando divertimentos que fizeram a infância de tantas gerações, aproveitando ainda para desenvolver habilidades como consciência corporal, lateralidade, atenção e foco, controle de impulsos e habilidades sociais.

Separamos algumas sugestões de brincadeiras simples e divertidas para incorporar ao repertório de seus filhos. Confira:

 

1. PULAR CORDA

Faixa etária indicada: acima de 05 anos

Participantes: a partir de 03 para a modalidade abaixo, mas pode ser uma atividade solo

Habilidades envolvidas: Consciência corporal; Coordenação motora grossa; Ritmo; Lateralidade; Equilíbrio; Atenção e foco

Duas crianças (“batedores”) seguram cada uma em uma ponta da corda e começam a batê-la em sentido horário, enquanto uma terceira criança (ou uma terceira e uma quarta simultaneamente), posicionada entre as outras duas, salta toda vez que a corda tocar no chão. O ritmo das batidas pode variar de lento a rápido. É comum acrescentar à brincadeira uma música que envolva comandos que devem ser cumpridos pelo “saltador”. Um exemplo clássico:

Um homem bateu em minha porta
E eu abri
Senhoras e senhores: ponham a mão no chão
Senhoras e senhores: pulem de um pé só
Senhoras e senhores: deem uma rodadinha
E vão pro olho da rua (comando para a criança sair e dar a vez ao colega)

Com crianças pequenas, há algumas variações possíveis:

“Cobrinha” (a partir de 02 participantes): segurando a corda por uma das pontas, um dos integrantes começa a girá-la rente ao chão, devendo a outra criança saltá-la. 

“Cobrinha (II)” (a partir de 03 participantes): havendo dois batedores, cada um segura a corda por uma das pontas e, mantendo-a rente ao chão, começam a movimentá-la para a esquerda e para a direita, simulando o movimento de uma cobra. A terceira criança deve saltar a “cobra” sem encostar nela.

 

2. ESTÁTUA

Faixa etária indicada: acima de 04 anos

Participantes: a partir de 03

Habilidades envolvidas: Consciência corporal; Equilíbrio; Atenção e foco; Controle de impulsos

Um dos participantes – o “mestre” – toca uma música enquanto os outros dançam. O “mestre” interrompe a música de repente, e as demais crianças devem manter a última posição em que estavam. Vence quem conseguir manter a posição por mais tempo. Pode-se definir se dar risada conta como “mexida” ou não, pois, quando o “mestre” começar a andar por entre as crianças, fazendo caretas e tentando desconcentrá-las, vai ser difícil não cair na risada.

 

3. BOLA DE GUDE

Faixa etária indicada: acima de 04 anos

Participantes: a partir de 02

Habilidades envolvidas: Coordenação motora fina; Orientação espacial; Atenção e foco; Controle de impulsos; Raciocínio lógico; Habilidades sociais

Há muitas possibilidades de brincar com bolas de gude (inclusive as que seu filho mesmo pode inventar). Uma das mais simples é fazer um triângulo no chão, dispondo cerca de dez bolinhas no centro. De fora do triângulo, e com o dedo indicador rente ao chão, cada jogador lança sua “bola atiradora” (uma bola que se diferencie das outras pela cor ou pelo tamanho) contra as demais bolinhas, tentando “capturá-las”, ou seja, expulsá-las do triângulo. Os jogadores se revezam, vencendo quem capturar mais bolas.

Outra possibilidade é simular uma sinuca de bolas de gude, usando para isso uma mesa com copos plásticos presos junto às quinas, um palitinho para bater nas bolas e uma bola maior, ou de cor diferente, para ser a “bola branca”. Pode-se brincar também no chão, desenhando-se um retângulo e posicionando latinhas nos ângulos para coletar as bolas (se for possível brincar em chão de terra, faça buracos em vez de usar latinhas). Vence quem colocar mais bolas dentro dos vasilhames ou dos buracos.

 

4. CABANINHA

Faixa etária indicada: acima de 02 anos

Participantes: a partir de 02

Habilidades envolvidas: Habilidades sociais; Imaginação e criatividade

Poucas brincadeiras conseguem ser mais simples e estimular tanto a imaginação quanto essa. Com lençóis e o apoio de uma mesa e cadeiras, monte uma cabaninha. Dentro dela, as crianças podem colocar colchonetes, almofadas, ou até fazer divisórias, dependendo do espaço disponível. É uma boa idéia reunir-se à noite na cabaninha com lanternas para contar histórias, simular um acampamento etc.

 

5. ESCONDE-ESCONDE

Faixa etária indicada: acima de 06 anos

Participantes: a partir de 03

Habilidades envolvidas: Orientação espacial; Controle de impulsos; Habilidades sociais

Uma das crianças fará o papel de perseguidor, tapando os olhos e contando até cem enquanto os outros se escondem. Após terminar de contar, o perseguidor vai atrás dos demais. Quem for encontrado e tocado pelo perseguidor fica fora do jogo.

Há variações dessa brincadeira, como o pique-esconde: o perseguidor não precisa tocar no jogador, mas apenas gritar seu nome, depois de avistá-lo, e sair correndo para o “pique” – neste caso, o jogador flagrado também correrá em direção ao pique, saindo a salvo se chegar lá antes do perseguidor.

 

Dia mundial do Brincar promovido pela ACIB e parceiros

A Acib (Associação Comercial e Industrial de Birigui), Prefeitura de Birigui, Colégio Criando Asas e Tropical FM, promovem entre os dias 21 e 27 de maio, a Semana Mundial do Brincar.

O evento consiste em promover um momento de interação e troca de gerações em relação às brincadeiras e jogos. O brincar, tão natural na infância, atualmente encontra dificuldades em função da redução do espaço e do tempo das pessoas responsáveis, o que justifica a criação de momentos como estes.

Em Birigui o evento será feito durante toda a semana em vários locais e atividades variadas.

  

Serviço:

 O programa vai até domingo e você pode levar seu filho para se divertir conosco. Veja os horários e locais até o domingo:

Sexta feira – Brincadeiras de rua (bets, queimada, carrinho de rolimã, perna de pau, etc.) e oficina de pintura facial no IPIS (Instituto de Promoção e Inclusão Social) das 8h30 às 10h e das 14h às 16h.

Sábado (das 16h às 18h) – Oficinas de pintura facial, escultura de bexiga, brinquedo de sucata, além de piscina de bolinha, tobogã, cama elástica, brincadeira com bolas, bets, perna de pau, carrinho de rolimã, jogos de mesa (dama, xadrez, ludo, trilha, dominó e baralho). Estas atividades serão realizadas no colégio Criando Asas, pela equipe do colégio. Para fechar à tarde, teremos vários contos de história.

Domingo – Encerramento na Praça Dr. Gama com atividades culturais e brincadeiras tradicionais das 17h às 20h.



<< Voltar

Avenida Governador Pedro de Toledo, 262 - Centro
Birigui/SP
CEP: 16200-045
Telefone: (18) 3649-4222
FACEBOOK ACIB
DESENVOLVIDO POR SOPHUS TECNOLOGIA